Teatro

Após temporada em Lisboa, “Dr. Jekyll e Mr. Hyde” faz estreia brasileira no Teatro Arthur Azevedo

Divulgação

Roberto Cordovani interpreta oito personagens na peça, em cartaz entre 14 de setembro e 14 de outubro

Há mais de 40 anos, Roberto Cordovani dava os seus primeiros passos como ator no palco do Teatro Arthur Azevedo, na Mooca, bairro em que passou a infância. Com apenas 13 anos de idade, ele atuava na peça de terror “Montgomery”, interpretando um menino que visita uma casa de campo na qual coisas estranhas aconteciam.

Agora, depois de quatro décadas, o ator volta às origens apresentando novamente no Teatro Arthur Azevedo, com a estreia nacional da peça “Dr. Jekyll e Mr. Hyde”, após temporada em Lisboa. O espetáculo fica em cartaz entre 14 de setembro e 14 de outubro.

Nessa adaptação do romance de Robert Louis Stevenson, conhecido também como “O Médico e o Monstro”, Cordovani dirige a peça e interpreta ao todo oito papeis, incluindo os dois homens do título. “Dar vida a tantos personagens dá a impressão de que todos são desdobramentos de uma mesma pessoa”, explica o ator, visto recentemente na novela “Novo Mundo”. “O desafio é criar um começo, meio e fim para cada”, complementa.

Essa impressão de um único personagem é importante por que, ao contrário de outro clássico da literatura, Frankenstein de Mary Shelley, o tal monstro não é uma criatura externa ao seu criador, e sim outra face dele. “Em Dr. Jekyll e Mr. Hyde, a luta não é contra outra pessoa, é contra ele mesmo”, compara Cordovani, que enxerga o protagonista de Stevenson mais próximo de Dorian Gray, de Oscar Wilde – personagem que, em troca de juventude eterna, vê o seu retrato, uma espécie de materialização de si mesmo, envelhecer.

O diretor explica que tentou criar uma atmosfera de mistério para o espetáculo e garante que o público irá se assustar. “O suspense está nas pausas e nas palavras”, afirma Cordovani. Além de silêncios incômodos e de ruídos, a própria respiração do ator é um dos elementos na construção desse suspense. “Você dita o ritmo e vai ensinando o público a respirar de outra forma”, conclui.

Teatro Arthur Azevedo

  • Av. Paes de Barros, 955, Mooca,
  • Tel.: 2605-8007.
  • De 14/9 a 14/10.
  • Sex. e Sáb., 21h e Dom., 19h. Sex.
  • Preço: R$30.
  • Classificação: 14 anos.
Click para comentar

Escreva uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quanto é 8 + 10 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para prosseguir, você precisa resolver a simples questão matemática acima (assim sabemos que você é um ser humano) :-)

Mais Lidos

Diretor Responsável:
ARNALDO NOLASCO

Endereço:
Rua Carneiro Leão, 290
Sala 21| Bloco 01
CEP: 03040-000 | São Paulo - SP | Brasil
Tel/Fax: (11) 3272-8186

Copyright © 2018 Gazeta da Mooca, um jornal a serviço da comunidade.

Topo