Comunidade

Gravidez na adolescência diminui e estudo identifica os culpados por ela

Quando uma mulher engravida, de quem é a culpa? É claro que o senso comum responderia que é da mulher, afinal, porque ela não se preveniu? Mas e quando uma garota de 14 anos engravida, de quem é a culpa? É de todos.
A sociedade pressiona as adolescentes a tornarem-se mulheres cada vez mais cedo, com comportamentos e roupas sensuais. Elas só seguem o fluxo e com facilidade encontram um namorado que não é o garoto exemplar. É aí que começa a pressão pelo sexo. E o sexo sem proteção, afinal, se ela nunca transou e confia nele, ela pode fazer sem. Sim, o sexo foi consensual. Mas quão consciente foi essa escolha?
Essa é uma história comum que está de acordo com o relatório “O Estado da População Mundial 2013”, do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), divulgado na última quarta-feira (30).
Segundo o relatório, “a gravidez na adolescência não é resultado de escolhas, mas da ausência delas e também de circunstâncias que vão além do controle das meninas. É a consequência de famílias desestruturadas, pouco ou nenhum acesso à escola, emprego, informação e cuidados de saúde. A gravidez precoce reflete a pobreza e a pressão de parceiros, família e comunidade. E em muitos casos, ela também é resultado de violência sexual ou coerção”, completa.
O estudo mostra que todos os dias, no mundo, 20 mil meninas dão à luz e 200 morrem por estarem grávidas. Em 2010, 19,3% dos nascidos vivos no Brasil eram filhos de adolescentes. Mas o panorama, para o país, é positivo. “O Brasil é um dos países que avançou para aumentar o acesso a meninas grávidas a tratamentos pré-natal, natal e pós-natal”, afirma o UNFPA.
Apesar do declínio do número de gestações adolescentes, ainda há muito a fazer. Conversar sobre sexualidade, proteção, divisão de responsabilidades e gravidez precoce com seus filhos, meninos e meninas, pode ser o primeiro passo.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quanto é 11 + 14 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para prosseguir, você precisa resolver a simples questão matemática acima (assim sabemos que você é um ser humano) :-)

Mais Lidos

To Top