Cultura e Lazer

Fotografias feitas por jovens com Síndrome de Down serão expostas na Prefeitura

Foto: Divulgação

Hall principal da sede da administração municipal recebe a mostra com 21 fotos feitas pelo projeto ‘Galera do Click‘ até o dia 2 de junho.

 A partir do dia 29 de maio, o Hall da entrada principal da Prefeitura de São Paulo ganhará vida, cor e beleza ao se transformar em uma galeria para a exposição “O que é especial merece ser fotografado”, composta por 21 fotografias cujos autores são alunos do projeto ‘Galera do Click’, jovens fotógrafos com Síndrome de Down.

A mostra, organizada pela Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência- SMPED, estará aberta ao público até o dia  2 de junho de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.  Durante os seis dias de duração da exposição, os alunos estarão presentes e irão fotografar os visitantes.

As obras foram produzidas com equipamento semiprofissional utilizando a técnica de luz negra com flash e tinta neon. Os jovens com Síndrome de Down usaram suas colegas de curso como modelos.

Foto: Divulgação

“A maior riqueza do ser humano é a diversidade, mas nossa sociedade não sabe lidar com o que é distinto. Uma mostra como essa estimula a arte, evidencia o quão belas são as diferenças e contribui para a desconstrução de preconceitos”, disse o secretário municipal da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato. 

O evento que marca a abertura da exposição acontece no dia 29, às 15h30, com a presença da primeira-dama de São Paulo, Bia Doria, madrinha da mostra.

 

Galera do Click

O projeto nasceu em 2013, concebido pela fotógrafa Sandra Reis, que ministra aulas gratuitas de teoria e prática da fotografia para jovens com Síndrome de Down. O seu filho Felipe – que tem a Síndrome – foi a inspiração da empreitada.

Atualmente atende 69 alunos, divididos em quatro turmas, que realizam o curso profissionalizante, com aulas ministradas uma vez por semana, com duas horas de duração.

O objetivo é fazer com que os jovens, através das lentes da câmera, capturem momentos, absorvam sentimentos e transformem suas perspectivas de vida. Aprender a fotografar faz com que os alunos se sintam úteis, valorizados e respeitados. Além disso, eles são efetivamente preparados para o mercado de trabalho, fato de extrema importância para a inclusão social.

Serviço: Exposição “O que é especial merece ser fotografado”

  • Abertura: 29 de maio, às 15h30.
  • Data: 30 de maio a 2 de junho – de segunda-feira a sexta-feira
  • Horário: 8h às 17h
  • Local: Hall da entrada principal da Prefeitura de São Paulo
  • Endereço: Viaduto do Chá – nº 15 – Centro
Click para comentar

Escreva uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quanto é 11 + 13 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para prosseguir, você precisa resolver a simples questão matemática acima (assim sabemos que você é um ser humano) :-)

Mais Lidos

Topo